terça-feira, 25 de junho de 2013

• Say no to Love - Capítulo 3 - Pintinho




XxxX: Ouvi dizer que é você que vai me atender  -sorri-

JustinON



Depois da escola resolvi almoçar no shopping, então chamei Dustin meu segurança pra ir comigo, é sempre uma loucura quando eu freqüento lugares públicos, mas até que hoje foi tranqüilo. Depois de almoçar estava passando em frente a uma loja de roupas masculinas a ‘’men hipsters’’ lá também vendem supras e tinha algumas na vitrine, parei pra observar uma muito da hora que me chamou a atenção. Será que eles tem o meu numero? pensei. Olhei pra dentro da loja procurando a resposta,  foi quando eu vi aquela garota da escola lembram? Aquela que recusou o meu autografo acho que se chama Mellanie. Então ela estava vestindo uma camiseta com o logotipo daquela loja, sério mesmo que ela trabalha aqui? Já passei varias vezes em frente esse lugar, e já comprei roupas ali também e nunca tinha visto ela ali, ou talvez não tinha reparado. Christian tinha me dito que ela não gosta de mim, garota sem noção eu nunca fiz nada pra ela, aposto que ela não sabe nem metade da minha historia. Pois bem, já que ela me odeia sem motivo algum, vou começar a dar motivos pra ela me odiar, vou entrar na loja só para perturba-lá, afinal hoje é meu dia de folga e só quero me divertir um pouquinho.

Disse para Dustin que ele poderia me esperar ali fora mesmo, entrei naquela loja e logo uma atendente veio me atender


Atendente: Posso ajudar senhor Bieber?
Justin: Na verdade não, eu preciso que aquela garota ali me atenda – disse apontando para a Mellanie- será que ela está muito ocupada?
Atendente: Acho que não, um minutinho só vou verificar.
Justin: Ok, muito obrigada


A atendente foi até ela e cochichou alguma coisa em seu ouvido e eu fiquei observando, me parece que ela estava atendendo outro cliente, me aproximei um pouco mais e fiquei observando ela terminar de atender aquele cara, ela me parecia ser tão simpática com aquele rapaz o tratava tão bem, quem vê pensa que ela é uma garota doce não é? Eu sei que eu nem a conheço direito, mas o pouco que soube sobre ela me decepcionou, ela foi super estúpida comigo ...ou as vezes seu problema é só comigo mesmo.


Mellanie terminou de colocar as coisas do cara em uma sacola e depois o entregou dizendo ‘’volte sempre’’ e sabe o que o cara respondeu? ‘’Se prometer que será sempre você que vai me atender, eu volto todos os dias’’ cara não agüentei eu ri pra caralho, que cantada podre era aquela? Até eu faço melhor que isso,  ta certo existe caras babacas nesse mundo. Finalmente aquele rapaz foi embora a deixando livre pra me atender, foi nesse momento que ela se virou notando minha adorável presença ali.

Justin: Ouvi dizer que é você que vai me atender  -sorri-

Mano vocês precisava ver como a expressão facial dela mudou ao me ver, pensei que ela fosse me esganar ou algo do tipo, porra garota porque você tem que ser diferente? fica feliz em me ver desgrama!


Mel: O que você está fazendo aqui? – disse alterada-
Justin: Vim comprar roupas, pra te ver que não foi né!
Mel: Cara vaza daqui –falou quase gritando-
Justin: Isso é jeito de se tratar um cliente? que tipo de loja é essa?
Mel:  É o tipo de loja que você não é bem vindo, agora se manda.
Justin: Você é a dona por acaso?
Mel: Não.
Justin: Então você não tem o...
Mel: Mas meu pai é – me interrompeu-
Justin: uhm, seu pai é o dono daqui certo? E o que seu pai vai achar quando eu disser em varias entrevista que uma funcionaria da loja dele me tratou muito mal? Eu acho que a reputação dessa loja nunca mais será a mesma, o que você acha?.
Mel: Você é detestável ! - disse explodindo de raiva-
Justin: Que coincidência, você não é a garota mas gentil que eu já conheci também.
Mel:  Então o que você tá fazendo aqui  olhando pra minha cara? Vai embora.
Justin: Eu não já disse que vim comprar roupas?
Mel: -respirou fundo- Vou chamar a Bia pra te atender, porque eu não agüento ficar mais um minuto olhando pra você.
Justin: Não, eu quero que você me atenda.
Mel: MAS EU NÃO VOU DESGRAMA!
Justin: Então ta bom – me sentei no sofá que tinha ali- vou ficar aqui sentado até você  resolver me atender.

Eu acho que eu não tenho amor a minha vida, aquela garota a qualquer momento é capaz de tirar uma faca do bolso e me cortar em picadinhos, seus olhos estavam vermelhos de raiva. E eu aqui, a  provocando. Sabe o que é? Eu adoro ver garotas nervosinhas, elas ficam tão... irresistível, não que essa dai seja irresistível porque cara ela é tão irritante que camufla toda a beleza que ela tem.



Justin: E aê? Eu to começando a achar que você gosta da minha presença , porque quanto mais tempo você demora  pra me atender, mais tempo eu vou demorar pra ir embora.
Mel:  insuportável – resmungou batendo o pé- me diz logo o que você quer comprar!
Justin:  Aleluia – me levantei do sofá- sabe aqueles supras laranja que está na vitrine?
Mel: Sei – revirou os olhos- vou busca-las
Justin:Então Elas são muito feias né!? Odeio laranja.
Mel: Chega , você  ta me achando com cara de palhaça!? Não vou te atender porra nenhuma, se vira ai.
Justin: Não- segurei seu braço-  agora é sério ta? trás o supras prata da vitrine numero 9 ? ( nº 40 no Brasil)
Mel: Solta meu braço- balançou ele fazendo com que eu soltasse- senta ai majestade que eu vou pegar a porcaria do sapatos.



Fiquei a olhando até ela desaparecer por entre uma porta, garota turrona sô.  Depois de alguns minutos a vi cruzar pela mesma porta com uma caixa na mão



Mel: Tai seu sapatos- jogou o mesmo no meu colo-
Justin:  Se você não fosse filha do dono dessa loja te garanto que você já tinha sido demitida daqui a muito tempo, olha o jeito que você trata os clientes.
Mel:  Cara você nem sabe o que está falando, eu nem trabalho aqui.
Justin: não? –perguntou intrigado-
Mel: Vamos acabar com isso logo? Experimenta a droga da supras!
Justin: é o  numero 9?
Mel: é
Justin: Então eu nem preciso experimentar, ela serve!
Mel: uhm, você que sabe. Era só a supras?
Justin: Claro que não.
Mel: -bufou- e o que mais você quer garoto?
Justin: Você!
Mel: O QUE?
Justin: Eu quero você!
Mel: Quem você pensa que é pra dar em cima de mim? Eu vou te espancar!
Justin: - sorri- Eu estava brincando menina, você não faz o meu tipo.
Mel: ENTÃO FALA LOGO A PORRA QUE VOCÊ QUER COMPRAR NESSA LOJA SEU INFELIZ!
Justin: Relaxa ai fia– disse simples- Aqui vendo cueca Box?
Mel: Vende! -respirou fundo-
Justin: Então trás uma lá, vou te esperar no provador e você me ajuda a coloca-lá ok?
Mel: Escuta aqui  – disse puxando a gola do colarinho da minha camisa, me fazendo ficar próxima dela-  isso aqui é uma loja, e se você veio aqui pra fazer piadinhas você está no lugar errado.


Ela simplesmente disse aquilo, ela não disse gritando ou me socando apesar de achar que essa era sua vontade, ela disse num tom calmo e bem próximo de mim me fazendo arrepiar confesso, isso me fez perceber o quanto ela estava esgotada, o quanto ela queria que eu fosse embora da li. Me fazendo sentir-se um idiota por estar lá fazendo piadinhas enquanto ela estava realmente trabalhando. Fixei meu olhar em seus olhos e Mellanie me olhava, mas eu realmente não sabia o que dizer afinal o que eu poderia argumentar? Foi ai que ela soltou meu colarinho levemente se afastando de mim e depois completou sua frase



Mel: Além do mais se eu quisesse ver ‘’pintinho’’ eu iria a um galinheiro.
Justin: - ri desesperadamente-
Mel: Do que está rindo ?
Justin: Sei lá foi engraçado -ri mais ainda- garanto que você ficaria surpressa com o tamanho do ‘’pintinho’’, nenhuma outra garota reclamou dele viu.
Mel: Como você é ridículo, quer saber de uma coisa? Tchau!
Justin: Pra onde você vai?
Mel: Não te interessa, se quiser pede pra bia terminar de te atender.

MellanieON



Eu não acredito que eu fui obrigada a atender aquele estúpido. É humilhação demais pra mim. Fiz isso apenas pensando no papai sabe? porque sei que se aquele garoto saísse falando mal da nossa loja como ele havia dito, seria muito prejudicial pra loja e pra todos nós. Mas tudo tem um limite e eu cheguei no meu, sai de lá e o deixei sozinho, foda-se se ele fazer alguma reclamação, eu só queria sair de lá antes que ...que sei lá eu voasse no pescoço dele talvez.

Ele é bem pior do que eu pensava que fosse, até o tom de voz como ele fala, ele se acha o superior a pessoa mais importante do mundo  como se tudo girasse em torne dele. aaaaaaaargh como eu o odeio tudo nesse garoto,  já vi que vai ser bem pior do que eu pensava conviver diariamente naquela escola, tendo que cruzar com ele a onde quer que eu vá.  

JustinON



Sai da loja levando somente a supras, Mellanie teve a coragem de ir embora me deixando lá. Que garota antipática e.... linda. Quer dizer, eu posso falar que ela é linda né!? Mesmo assim ela não deixa de ser a garota mais insuportável que já conheci e sinceramente pra mim a garota só ser bonita não faz a mínima diferença. O fato principal é que isso dela ter ido embora e me deixado lá com cara de taxo, me deixou extremamente irritado,  quem ela pensa que ela é ?


Sai da loja fervendo de raiva, quer dizer como ela ousa me tratar assim? Acho que independente de eu ser quem eu sou, todo mundo merece respeito e eu nunca fiz nada pra ela, apesar de eu estar sendo um pouquinho debochado, mas isso não é motivo pra me tratar assim, afinal ela me odeia muito antes desse ocorrido.

Precisava arrumar alguma coisa pra me acalmar e me relaxar dessa tarde extremamente estressante, e bom, vocês sabem o que acalma um homem não sabem?  Ou pelo menos fazem uma idéia. Liguei pra um garota que eu conheci esses dias nem o nome dela eu sei, e também não me lembro exatamente onde eu a tinha a conhecido , mas ela  é ajeitadinha e isso é o que importa. Depois de dispensar o Dustin passei na onde essa garota se encontrava e a levei pra minha casa, e bem o que eu posso dizer é que minha noite foi longa. Foi apenas sexo sabe? sem sentimento algum, mas com loucura e diversão. Eu não acho isso errado, eu sou solteiro então tenho todo direito de me divertir. Eu não quero também entrar em detalhes de como foi minha noite, isso é desagradável mas uma coisa foi estranha,  quando eu estava lá sabem, no vamos ver com aquela garota e ela gemia alto enquanto eu fazia o que tinha que fazer, comecei a rir ao me lembrar de como a Mellanie tinha se referido ao meu ‘’amigo’’o  chamando pintinho. Não é querendo me gabar não mais o pitinho está aqui  fazendo a garota se contorcer toda de tanto prazer.

                     ----------------------------------------------------------

 Não vou enrolar vou falar logo, o negocio é um seguinte vocês querem que eu continue essa fanfic ou não? Porque sabe esse capitulo aqui? Esse e mais dois capítulos estão pronto desde quando eu postei o capitulo 2, porém resolvi não postar mais, estava decidida a não postar mais porcaria nenhuma por causa de umas anônimas ai que me procuraram tanto na ask quanto no blog também, falando que não queria Fanfic nova, que queria i breathe for you, que essa era uma droga sendo que eu mal tinha começado essa, enfim vocês que sabem, querem que eu poste ‘’say no to love’’ sim ou não? Falem logo porque não vou ficar escrevendo atoa, excluo logo o blog e pronto. E tem mais dois capítulos prontos, se quiserem comentem muitão porque eu também quero comentários. Depende de vocês se eu continuo ou não. Eu vou tentar não demorar PROMETO, mas vocês tem que comentar também, se vcs demorarem pra comentar eu demoro pra postar.

Obrigada , desculpa falar assim minhas lindas ):


VEJAM O TRAILER DESSA FANFIC QUEM AINDA NÃO VIU

11 comentários:

  1. To adorando.

    -Marcela

    ResponderExcluir
  2. kra a IB ta perfeita de boua, to falando a vdd, nao para pfvr, pfvr pfvr, eu quero continuar lendo essa, se vc puder postar a outra antiga junto tbm eu ia gostar, pq eu amava a outra IB tbm, mais se vc so for postar essa tudo bem. Kra nao liga pro que 1 ou 2 anomimas dissem não vey, enquanto umas criticam outras amam, então deixa elas pra la se elas nao tiverem gostando manda se fuder, e siga em frente com a IB, por que ta foda !!! @SwagDo_Justin

    ResponderExcluir
  3. Por favor continuuuuaaaa! não liga pra elas! isso tudo e inveja dessas recalcadas !!

    ResponderExcluir
  4. continuaaaaa, ta perfeita!
    Nao se importe com esses anonimos q ficam falando merda <3

    ResponderExcluir
  5. quando vc vai continuar?????

    ResponderExcluir
  6. Aaaaaaaaaaah! Que capítulo mega perfeito e engraçado! Amei muito! Quem disse que eu quero que você pare com a "Say no to Love"? Continue escrevendo essa. Eu estou amando. Beijos. :) <3

    ResponderExcluir
  7. AAAAAMEI, continua com essa fanfic lindaa !!Está perfeito <3

    ResponderExcluir
  8. Oi, bom queria muito que você lesse esse meu comentário, eu sou leitora a mais de 3 anos e pode apostar, eu leio suas histórias a muito tempo, sempre amei, e sempre comentei Me chamo Brennda Lopes, mais todos me chamam de Bia, mais pulando essas parte... eu sempre entrei aqui no seu blog, e nunca nada de você atualizar, fiquei tão preocupada com você, que você nem imagina, eu AMO A HISTÓRIA IBFY Sério amo mesmo, ai você deixou de postar e tals... cara, você se lembra de quando você pedia 50 comentários e recebia 60? então linda, você tipo de ABANDONOU TEMPORARIAMENTE o blog, e perdeu muitos leitores, então não fique obrigando a gente a comentar, não estou julgando nem nada estou dando minha opinião, eu estou amando SNTL, sério amando mesmo, mais você também tem que saber que você perdeu mais de 30 leitores amor, então vai postando frequentemente que você ocm certeza vai reconquistar seus leitores, e se Deus quiser ainda mais! Então é isso e desculpa se você não gostou da minha opinião, Beijos, e continua por favor!


    ~Biia

    ResponderExcluir